quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Desisto de mentir para mim...

Desisto de  procurar as respostas....
Desisto de procurar todas as chaves...
De escolher as portas... 


De caminhar  de olhos bem abertos...
De desviar dos abismos...
Desisto de me esconder da chuva...
Desisto de contar o tic - tac do relógio...
De segurar as lágrimas...
De inventar os sorrisos...
De acender as luzes das noites sem estrelas...
De inventar o luar...
Desisto de mentir para mim...

                                                                           Silvia Rossine

Nenhum comentário:

Postar um comentário